Close Menu

Busque por Palavra Chave

Piracanjuba - Mobile

Programa Água Boa beneficia 1.300 famílias no interior de Chapecó

Por: LÊ NOTÍCIAS
10/09/2019 09:10 - Atualizado em 10/09/2019 09:15
Prefeitura de Chapecó Trabalho também é preventivo e contribui para garantir água de boa qualidade em épocas como esta, de pouca chuva na região Trabalho também é preventivo e contribui para garantir água de boa qualidade em épocas como esta, de pouca chuva na região

Investir em água é investir na saúde das pessoas e no abastecimento da produção animal no campo. Por isso, a Prefeitura de Chapecó, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente (Sedema), intensifica o Programa Água Boa. O município já forneceu água do Aquífero Guarani, de poços artesianos e águas superficiais para mais de 1300 famílias de diversas comunidades do interior. O trabalho também é preventivo e contribui para garantir água ao consumo humano e animal em épocas como esta, de escassez de chuva.

O município está atento ao período de estiagem na região e as dificuldades pontuais que ainda existem em algumas comunidades, por isso colocou mais três retroescavadeiras à disposição da Equipe de Água para atender demandas de urgência. Neste momento, as máquinas estão na Linha Tafona e no Distrito de Alto da Serra. Na Tafona, a equipe já construiu uma Rede que distribui água de um poço artesiano para a propriedade do casal, Cleves e Gessi Sanzovo, e dos moradores próximos. Agora, para diminuir os custos da família com a energia elétrica usada para abastecer 31 mil aves, as máquinas voltaram e estão perfurando o ponto mais alto da comunidade. “Água é vida, sem água não dá para ficar. Nós esperávamos isso, e vieram. Agora é contar que ‘brote’ a água mesmo”, comemora dona Gessi.

Essa é apenas uma demonstração de que o Programa Água Boa faz a diferença na vida de centenas de famílias do interior de Chapecó. O prefeito Luciano Buligon lembra que em 2016, durante as mais de 70 reuniões do Programa Ouvindo Nosso Bairro nas comunidades, as principais demandas apontadas no interior foram água e recuperação das estradas. “Por isso, aos poucos, vamos atendendo aos pedidos dos moradores e minimizando os efeitos da falta de chuva”, concluiu.

Segundo o secretário de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente, Valdir Crestani, a água de boa qualidade para o homem do campo tem sido uma preocupação constante da Administração Municipal. “A partir de 2013, o Programa Água Boa, que até então tinha como foco a proteção e recuperação da mata ciliar, passou a trabalhar o fornecimento de água potável através da perfuração de poços profundos, água do Aquífero Guarani e águas superficiais com a construção de fontes tubulares e do modelo caxambu”, explicou.

Trabalho foi realizado na linha Tafona, no interior do município


NÚMEROS DO PROGRAMA ÁGUA BOA

De 2014 até hoje, cerca de 1.300 famílias foram atendidas com a perfuração e recuperação de poços artesianos, abastecimento pelo Aquífero Guarani, preservação de águas superficiais e construção de fontes. Só em 2018, 291 novas propriedades foram beneficiadas.

“Em 2018, perfurados poços profundos nas linhas Marcon, São José do Capinzal, Pequena e Colégio Agrícola, e o Aquífero Guarani tem sido uma fonte importantíssima para resolver um problema antigo: o abastecimento na região das linhas Baronesa, Alto Baronesa e São Roque. Só nessa região da cidade estamos atendendo 266 famílias”, explicou Crestani.

Neste ano, somente no Distrito de Alto da Serra, 60 famílias foram beneficiadas com a construção de 40 fontes. Em agosto, foi perfurado um poço artesiano na linha Último Dia, e a previsão é seguir com o trabalho para as regiões do Bormann, Gamelão, Aeroporto e São Roque.

A preservação de águas superficiais com a construção de fontes tem merecido atenção especial, e para tal, são fornecidos tubos, pedras, máquinas e acompanhamento técnico. São construídas cerca de 80 fontes por ano, para aproximadamente 110 famílias.


Outras Notícias
Publicações Legais Mobile
Vederti Mobile
Sicoob Mobile
Rech Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro