Close Menu

Busque por Palavra Chave

Transparência Criciúma

Deputada Luciane Carminatti comemora implantação da Divisão de Investigação de Homicídios em Chapecó

Por: LÊ NOTÍCIAS
06/03/2017 09:09
Luciane visitou o delegado regional da Polícia Civil de Chapecó, Wagner Meirelles (Foto: Carolina Timm) Luciane visitou o delegado regional da Polícia Civil de Chapecó, Wagner Meirelles (Foto: Carolina Timm)

Nos últimos anos, Chapecó tem ocupado as primeiras posições entre os municípios mais violentos do Estado. Entre os anos de 2014 e 2016 foram 142 homicídios e latrocínios, número que assusta a população da maior cidade do Oeste. Mas a partir do início deste ano a expectativa é de mudança dessa realidade, pois graças à atuação da deputada estadual Luciane Carminatti, Chapecó passa a contar com o setor de homicídios da Divisão de Investigação Criminal (DIC Homicídios). Com isso, pretende-se agilizar a apuração e a punição dos autores desses crimes.

A defesa de melhorias para a segurança pública no Oeste catarinense tem pautado o trabalho da parlamentar desde o início do seu mandato na Assembleia Legislativa. Mas em dezembro do ano passado, Luciane reivindicou ao delegado-geral de Polícia Civil de SC, Artur Nitz, ações imediatas para combater especificamente o alto número de assassinatos em Chapecó.

“Solicitamos no primeiro momento a criação de uma delegacia de homicídios, mas pelo alto investimento que demanda, foi viável a instalação do setor de homicídios dentro da própria DIC. A boa notícia é que um delegado, um escrivão e três agentes foram designados para o departamento. Reconhecemos a rápida resposta do Estado diante da nossa reivindicação, mas o resultado também prova que a atuação política faz a diferença em defesa dos municípios”, destaca Luciane.

Na última semana a deputada fez questão de visitar o delegado regional da Polícia Civil de Chapecó, Wagner Meirelles, e a equipe para conhecer de perto o trabalho da DIC Homicídios. No encontro, o delegado agradeceu a deputada e o seu comprometimento com a qualificação das forças de segurança da região. Os dois também conversaram sobre as primeiras atuações da Divisão de Homicídios e as novas demandas, sobretudo em relação à estrutura física. “Fortalecer o trabalho de investigação é fundamental para identificar a autoria dos crimes e punir. Ao mesmo tempo, esse novo departamento desafoga a DIC na apuração de outros crimes, como roubos e furtos”, conclui Luciane.


Outras Notícias
Transparência Criciúma 2
Anúncio Radial 2
Palhoça Parques
Rech Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro