Close Menu

Busque por Palavra Chave

Vitrine de ilusões

Por: LÊ NOTÍCIAS
07/03/2017 09:17

O toque aveludado da pele e o cheiro doce dos cabelos são ingredientes preciosos aos poetas em suas composições onde mulheres são comparadas às flores. Nos versos cheios de amor, fala-se da suavidade do toque dos dedos, da doçura das palavras e da leveza do caminhar. Com tanta delicadeza nas estrofes não é de se estranhar tal comparação e nem que o item mais vendido para presenteá-las no Dia da Mulher seja mesmo as flores e, com destaque, as rosas.

Amanhã é oportunidade pertinente para surpreendê-las e, mesmo que hesitem em admitir, é emboscada pronta para que os companheiros as agradem, pois a mulher pode até perdoar, mas o comércio não. É cor de rosa por toda parte. Ursinhos, buquês, perfumes e maquiagens decoram as vitrines e atraem os aflitos consumidores que, desesperados, sabem que precisam voltar para casa com um pacote embaixo do braço.

Dia oito de março é só amor. Abre os braços aquele não abraça; e ilude aquele que desnuda os sonhos da fiel companheira. É tanta “eza” para cá e para lá – delicadeza, sutileza e beleza – que ela, a mulher, sente-se na obrigação de sorrir emocionada ao receber aqueles botões que, no dia seguinte, murcharão assim como o frenético romantismo do rude galanteador.

Passado o “dia mais delicado do ano” a dura missão de ser mulher segue até o março seguinte. Nas esquinas escuras não têm flores, o que impera é o medo de ter o corpo e alma violados. É um constante puxar de tapetes para transformar a tal sutilidade em inferioridade – isto é no lar, no trabalho e até na presidência da República. Manipulada dia a dia, algumas acreditam que o jeito é mesmo sentar e aguardar pelo único dia onde, depois que o almoço estiver servido e as roupas lavadas, finalmente a valorização chegará.

Mais ou menos como aconteceu em 1500, onde portugueses compraram índios com pentes e espelhos, vivemos na era onde a mídia, bijuterias e enfeites de cabelo compram o que de mais valoroso tem uma mulher: a natural grandeza do ser.

Que esta quarta-feira seja o dia delas, mas que todos os outros também sejam. É adorável presentear e receber mimos embrulhados com belos laços, porém é incomparável a sensação de caminhar sem temer; sorrir sem moldes e amar sem receios. Que dentro dos pacotes deste ano esteja o respeito, estima e zelo às detentoras de todos os dias do ano.


Covidômetro - Florianópolis
IPTU São José - 2021
Governo do Estado - Juntos somos mais fortes
Prefeitura de Palhoça - IPTU
Rech Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro