Close Menu

Busque por Palavra Chave

Purgatório socialista

Por: Marcos Schettini
10/03/2017 14:42 - Atualizado em 10/03/2017 14:43
(Fotos: Divulgação/LÊ) (Fotos: Divulgação/LÊ)

Nem Marx entendeu o que ocorreu com o PT, sua fragilidade diante da mídia e a falta de coragem para defender as bandeiras que consagrou as lutas do partido nos anos 80. Dor e ranger de dentes estão na antessala do desespero em SC. A saída do casal Dércio e Ana Paula Lima para ganhar o apoio deles no ano que vem é uma matemática do tira dois, coloca dois. Dentro do colo brizolista, os deputados de Blumenau somou nada com coisa nenhuma. Apenas garantiu que Cláudio Vignatti ganhe a vaga de federal de Pedro Uczai que vai ao Senado. Conta macabra para quem, secando prefeituras e vereadores, vê se fechando a porta adiante. Trágico que Freud explica.

Não

João Rodrigues não sai do PSD. Fica no partido porque, os acordos que tem com Gelson Merisio para que um apoie o outro no jogo sucessório, estão sendo mantidos. A festa de aniversário do deputado federal será para mostrar o alinhamento.

Alinhamento

Faz parte do jogo que, dentro do processo político, a nuvem eleitoral mude conforme a força do vento. João Rodrigues quer a Secretaria de Agricultura e GM está construindo isso. O deputado federal está no processo pró.

Dúvida

A questão do distanciamento do PMDB, provocando o racha dentro do Estado, dividindo os principais parceiros desde 2002, acabou. Não há mais volta com os Ulyssistas e, a composição agora é construir, com JR, o projeto do Oeste.

Altura

João Rodrigues recebe ligações e pedidos para voltar ao Democratas mas, para que tivesse sucesso na construção no seu projeto de 2018, teria que ter saído do PSD há um ano. Agora é tarde para alinhar intenções em favor de seu sonho.

Campo

O presidente do PSD tem maior poder de articulação porque, ganhando o governador para o desafio, fortalece a intenção. Com a máquina do estado à disposição, o Fundam vai passar pelas digitais de Gelson Merisio que ganha luz.

Fundam

Com cerca de 800 milhões para entregar aos prefeitos, sufocados pela crise e dificuldades dentro da estrutura municipal, Gelson Merisio passa, agora, a tutelar o desafio com discurso de convencimento. Argumento forte nos ouvidos de quem precisa.

Gás

Não foi à toa que, no Japão, tanto Antonio Gavazzoni quanto o ex-presidente da Alesc, foram convidados para a comitiva. Tempo de convivência política suficiente para traçar a meta do propósito. É no Oriente que as cartas estão jogadas.

Retorno

Na segunda-feira, provavelmente já com a comprovação de que se mantém ficha limpa, João Rodrigues será nomeado secretário da Agricultura para, ao lado de Gelson Merisio, turbinar o programa sucessório. Começa a construção.

Desejo

Colocado no iglu do esquecimento, Moacir Sopelsa ficou em SC justamente para produzir o efeito de aceitação de sua saída. O governador não pede o cargo da Agricultura aguardando que o gesto deputado do PMDB seja da sua iniciativa, sem constrangimento.

Perdas

A secretaria de Agricultura é tudo que JR precisa para turbinar o repeteco eleitoral de 2014. Embora saiba que, com esta máquina disponível possa vitaminar a intenção, possivelmente os 221.409 é numeração que provavelmente não alcance.

Ganhos

Ficando mais em SC que em Brasília, o deputado federal alinha com mais evidência o projeto em que deseja estar na cabeça. Como sente que este sonho vai se esvaindo, olha para o plano de Gelson Merisio de olho no Senado em 2022.

Carpintaria

O PT está buscando construir o barraco partidário com as mesmas tábuas que o furacão da lava-jato levou ao passar na cabeça do partido em 2016. Minguando, percebe-se o amarelão que o partido vive com as defecções apresentadas.



Anúncio Radial 2
Campanha Infraestrutura - Mobile
Campanha Agricultura - Mobile
Campanha Segurança Pública - Mobile
Rech Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro