Close Menu

Busque por Palavra Chave

Loucura ganha o mundo; Desespero e inconsequência; A reação das autoridades; Hoje começa o jogo; Chiodini propõe humanidade

Por: Marcos Schettini
19/03/2020 13:17 - Atualizado em 19/03/2020 14:44

Cidadania contra o coronavírus

Carlos Chiodini mergulhou em Brasília ontem para encontrar caminhos que deem fôlego às pessoas e microempresas nesta dura guerra contra o coronavírus. O deputado avalia que os efeitos das medidas adotadas para combater o mais perto do inimigo humano, deverá balançar pessoas e empresas pequenas. Ele quer que seja votado dois Projetos de Lei, 724 e 725, que beneficiam em relação à cobrança de água, luz, coleta de lixo e telefone. Os serviços não poderiam ser suspensos por falta de pagamento que, por motivo de baixar a zero as vendas, podem ser cortados. Também pede a suspensão da cobrança de todos os pedágios no país durante a pandemia que confina tudo e todos. Esta visão impede que famílias sejam ilhadas, piorando o já sentimento de apocalipse que ganha o mundo. Esta medida deve ter apoio da bancada federal para aplicabilidade imediata. O parlamentar sabe que, sem os serviços essenciais de cidadania, o terror multiplica e derruba a autoestima das pessoas.



ELE
Esperidião Amin deu uma demonstração de completo respeito, como sempre, no terror que vivera ao lado da esposa, não menos diferente. Fez os exames, conferiu e, certo do resultado negativo, voltou à ativa. Pelo histórico que tem na vida pública, seu cacoete de estadista, impressiona.



ALTURA
Aproveitou para enviar ao presidente da República, oposto de sua grandeza, para oferecer experiência que vivera nas enchentes de 82 quando, governador jovem e determinado, mergulhou na sensibilidade e busca de soluções. Se Jair Bolsonaro for inteligente, acata.



IGUAL
Do mesmo modo, Jorginho Mello e Dário Berger, estão mostrando a maturidade e altruísmo humano no combate ao inimigo silencioso do coronavírus. O 1° por se manter na quarentena que mantém a dúvida, o 2° pelo comportamento de, prefeito 4 vezes, saber o que deve fazer.



REAL
O trabalho realizado por Gean Loureiro, Camilo Martins e Adeliana Dal Pont, unidos em mesmas direções na linha de frente contra o coronavírus, mostra que a divergência é, neste momento, tola. O Vietnã é geral. A Grande Florianópolis dá exemplo de passo a passo na luta da humanidade.


PARABÉNS
Adeliana Dal Pont, mesmo com São José de aniversário hoje, com plataformas grandiosas para comemorar, declinou de todas as atividades. Uma atitude típica de mulher firme nas posições e respeitosa com seus comandados. São José é para sempre.

RESPEITO
O governador deu um decreto fulminante contra o coronavírus. Carlos Moisés, enfim, assumiu-se na crise que abala a humanidade. Começa a mostrar, depois de longos 16 meses, que pode muito no cargo que exerce. A atitude que tomou, radicalizando, é o início da vitória sobre este assassino viral.



PERFORMANCE
O que o cidadão precisa é, de fato, pulso e demonstração de controle sobre o terror. Carlos Moisés demorou para tomar a posição mas, mesmo assim, decidiu pelo que é correto e inteligente. Se seguir neste modelo de altura, reconquista o que, até o momento, negou. Titubear é negligência.



ENTÃO
Marcio Sander expediu ofício ao governador para que coloque toda a estrutura do HRO em favor da luta contra o coronavírus. Sensibilizou-se no cenário de guerra que ganha o mundo. O vereador é um quadro com firmeza de decisões. Ao buscar atenção de Carlos Moisés, dá um salto de qualidade de sua vida pública.



EXCELENTE
Os dois deputados estaduais, Altair Silva e Ivan Naatz, assinam pedido para que luz, água e gás, sejam mantidos para as pessoas vulneráveis ao coronavírus. Os parlamentares acertam no alvo o que deveria ser lei. Se já não tem onde socorrer, precisam ser atendidos como prioridade.


MUDOU
A Femi, marca da forca produtiva do Oeste, mais precisamente de Xanxerê, trocou a data da Feira do Milho para início de novembro. A decisão do prefeito Avelino Menegolla e do secretário Jader Danielli, comunga com a responsabilidade do momento. O presidente da feira, igualmente, acatou a decisão.


EXEMPLO
Clésio Salvaro dando espetáculo de ações contra o vírus do mal. Ele, experiente, toma decisões conjuntas que coloca Criciúma no eixo central de atitudes corretas para tropeçar os passos do assassino invisível. O prefeito trabalha de madrugada para conhecer o mapa da situação em tempo real.



TRÉGUA
Em Joinville, a queda de braço entre oposição e situação recuou significativamente. O prefeito está colocando toda a estrutura da maior cidade de SC para funcionar com nitro no motor municipal. Udo Döhler está agindo no combate ao vírus da morte como que um marine americano. A equipe da prefeitura, toda, armada na frente de guerra.



CAVALARIA
Júlio Ronconi mobilizou as organizações municipais em Rio Negrinho para deixar a Secretaria da Saúde em fervura total. Toda a força médico-farmacológica está em plantão permanente. O município é rasgado pela BR-280 que, leva e deixa, pode ser atacada, invisivelmente, por este corredor.


COVARDIA
Quando todas as cidades do mundo se mobilizam para atacar o coronavírus de forma firme e eficaz, mostrando força e determinação, o secretário da Saúde de Xaxim sai do cargo, por motivo político, mostrando toda sua responsabilidade e desprezo pelo povo. Uma postura patética e tola em uma eleição que tem tudo para não acontecer.



DIVISÃO
O governador Carlos Moisés produzindo inimizades em vários lugares, jogou o vice-prefeito contra o atual, dividindo o grupo vencedor em 2016. Agora, em uma reviravolta tipicamente politiqueira e vergonhosa, quem paga a conta e o cidadão. Ao abandonar a Secretaria da Saúde, Davi Provenzi Machado chuta o cidadão pelas costas quando mais precisava.



LEITURA

Gigante Buligon vai tomando as decisões, passo a passo, para dar a Chapecó o rumo necessário para impedir o avanço do coronavírus na Capital do Oeste. As ações do prefeito, casada com os rumos adotados no Estado, são de pleno estudo. Como é época de disputa política, leva as pedradas que todos os outros prefeitos estão levando.



Anúncio Radial 2
Campanha Infraestrutura - Mobile
Campanha Agricultura - Mobile
Campanha Segurança Pública - Mobile
Rech Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro