Close Menu

Busque por Palavra Chave

SCPAR

Deputado Kennedy Nunes denuncia dispensa de licitação milionária em estatal do Governo do Estado

Por: LÊ NOTÍCIAS
13/05/2020 19:12
Bruno Collaço/Agência AL Deputado Kennedy Nunes denunciou dispensa de licitação milionário nesta quarta-feira (13) Deputado Kennedy Nunes denunciou dispensa de licitação milionário nesta quarta-feira (13)

Membros das bancadas do PSD, PSL e PL denunciaram superfaturamento em contratos do Porto de São Francisco do Sul e ironizaram diálogo com o governo do Estado durante a sessão de quarta-feira (13) da Assembleia Legislativa.

“Uma empresa foi contratada por R$ 590 mil para trabalhar 12 meses para matar pombinhos, ratos e mosquitos. De agosto de 2018 para março de 2019 o valor deveria ser R$ 603 mil, mas a realidade é outra: dispensaram a licitação e contrataram a mesma empresa por cerca R$ 2 milhões, e, para piorar, olha só a sacanagem, o contrato de R$ 590 mil era de 12 meses e o novo terá vigência de 180 dias, então serão R$ 4,2 milhões em um ano, um aumento de 596%”, denunciou Kennedy Nunes (PSD).

“Já tinha identificado essa (dispensa), mas a mais importante foi a de requisitos básicos, custou R$ 4,5 milhões e para fazer o mesmo procedimento em um pouquinho mais de um ano custou R$ 10 milhões. Só tem um jeito de resolver o problema, privatizando, vamos tirar esses canalhas”, alfinetou Jessé Lopes (PSL).

“Absurdo o contrato do porto de São Francisco do Sul. Como diz o Esperidião Amin, ‘rato magro quando vê queijo se empapuça’. A imagem que me vem à cabeça é que entrou no governo umas pessoas sem compromisso com o estado, cada um está fazendo do jeito que quer, tem denúncia no Porto e tem no sistema prisional com videomonitoramento”, lamentou Maurício Eskudlark (PL).

Já os deputados Laércio Schuster (PSB) e Sargento Lima (PSL) ironizaram tentativa do Executivo de dialogar com os deputados.

“Agradeço profundamente, uma linha de telefone para falar com os deputados não resolve o problema. Venha para as cidades, conheça a realidade das famílias, conheça a realidade dos mais de 500 mil trabalhadores do estado que perderam o emprego. Desde o início tenho cobrado planejamento, pague as emendas que podem ajudar, este governo está à deriva, mais um número (de telefone) não vai resolver tudo isso”, alertou Schuster.

“O diálogo já foi buscado incessantemente, me inclua fora desta lista de pessoas que tem este telefone aí”, afirmou Lima, acrescentando que a hora é de ações.

Outras Notícias
Palhoça Você em Dia - Mobile
Covidômetro - Florianópolis - Julho
Alesc - Julho
Radial Julho
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro